16/03/2012 12:00 am

Tarso enfrenta protestos de professores e policiais no RS

Tarso enfrenta protestos de professores e policiais no RS

FELIPE BÄCHTOLD
DE PORTO ALEGRE

Policiais civis e professores estaduais promovem passeatas nesta sexta-feira (16), em Porto Alegre, em protesto contra o governo de Tarso Genro (PT).

As manifestações foram organizadas separadamente, mas praticamente se encontraram nas proximidades do palácio do governo, no centro da cidade, no começo da tarde.

Os professores participam de paralisação nacional desde a última quarta-feira pelo pagamento do piso federal da categoria. Hoje, o salário mais básico no Rio Grande do Sul está em R$ 791 por 40 horas semanais.

Segundo o sindicato dos professores, até ontem 95% das escolas da rede estadual tiveram algum tipo de paralisação. O governo diz que metade dos colégios parou totalmente ou parcialmente.

O Estado apresentou uma proposta de aumentos periódicos até 2014, que não é aceita pela categoria.

POLÍCIA

O Sindicato dos Escrivães, Inspetores e Investigadores rejeitou nesta sexta-feira proposta do Estado que sugeria mais do que dobrar o salário básico da categoria, hoje em R$ 2.200, até 2018.

Em protesto, cerca de 2.000 policiais participaram de passeata pelas ruas da capital gaúcha, segundo a entidade. Os sindicalistas pretendem paralisar as atividades por dois dias na semana que vem.

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1062901-tarso-enfrenta-protestos-de-professores-e-policiais-no-rs.shtml

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br