5/04/2011 12:00 am

SERVIÇO SOCIAL EM FAVOR DA LUTA POR DIREITOS E CONTRA A DESIGUALDADE

Foi realizado durante os dias 31 de março e 3 de abril,

Com o Auditório Ribamar Carvalho repleto de estudantes do Curso de Serviço Social e de representantes da ENESSO das cinco regiões presentes, foi realizado durante os dias 31 de março e 3 de abril, o IV Curso de Formação Política e Movimento Estudantil de Serviço Social (CFPMESS) e o XXXIII Conselho Nacional de Entidades Estudantis de Serviço Social (CONESS). 

O Conselho Nacional de Entidades Estudantis de Serviço Social – CONESS é um encontro anual que reúne representantes das entidades estudantis de Serviço Social a nível nacional (ENESSO, representantes discentes em ABEPSS, Centros e Diretórios Acadêmicos) além de estudantes de Serviço Social dispostos e interessados na construção do Encontro Nacional dos Estudantes de Serviço Social – ENESS e envolvidos com o Movimento Estudantil de Serviço Social – MESS. 

Este é um encontro deliberativo que objetiva apresentar e definir a pauta do ENESS, privilegiando as discussões que envolvem o curso de Serviço Social e as diversas lutas do Movimento Estudantil através do Curso de Formação Política em Movimento Estudantil em Serviço Social – CFPMESS. Para a realização do ENESS 2011 foram discutidos os temas das mesas, definição de palestrantes e de eixos e o local escolhido, a cidade de Franca em São Paulo. 

O movimento estudantil trabalha para a qualidade de formação profissional. Ajuda a trazer a característica crítica para o curso, formando pessoas ético-profissionais. Mario Pereira, Coordenador Nacional e Secretário Geral da ENESSO, esteve presente no encontro e discutiu acerca da importância de reuniões como essa para os acadêmicos de Serviço Social. 

Nikson Daniel, membro do Centro Acadêmico do Curso de Serviço Social da UFMA e Coordenador Regional do ENESSO, comentou a dificuldade de mobilização dos estudantes da região em que o Maranhão se encaixa. Além do Maranhão, a região abrange também o estado do Piauí e os estados do Norte do país, com exceção do estado do Tocantins. “Por ser uma região abrangente, isso vem nos prejudicando nos encontros. Por essa razão estamos em um momento de reorganização, em discussão sobre estratégias para a luta do ENESSO regional”, esclarece Nikson. 
Outras lutas também estão sendo discutidas em defesa da qualidade de ensino, como a criação do curso nas universidades estaduais, a criminalização da homofobia, igualdade de gêneros, além da assistência estudantil com melhoria de bolsas para cursos integrais. 

 

FONTE: http://www.ufma.br/noticias/noticias.php?cod=10382

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br