13/01/2011 12:00 am

SEMOSP PARTICIPA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA NO ANGELIM

SEMOSP PARTICIPA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA NO ANGELIM

 

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), participou, na noite de terça-feira (11), na Associação dos Moradores do Angelim (AMA), de uma audiência pública com lideranças comunitárias e circunvizinhanças. O evento fez parte do encerramento da 22ª Promotoria Itinerante de São Luís, realizada pela Procuradoria Geral de Justiça (PGJ).

 

A Promotoria Itinerante passou três meses no local, prestando aos moradores serviços jurídicos e fazendo um levantamento das demandas públicas da área. A região do Angelim compreende vários bairros, entre eles Piquizeiro, Pão de Açúcar, Cantinho do Céu, Novo e Velho Angelim, entre outros.

 

O titular da Semosp, Marcos Aurélio Freitas, ressaltou, na audiência, que a Prefeitura de São Luís, por determinação do prefeito João Castelo, está atendendo bairros da capital com serviços de infraestrutura.

 

“A Semosp realizará um conjunto de ações para atender às demandas da comunidade. Temos que fazer, primeiro, uma vistoria para, então, executarmos serviços necessários, sejam eles de tapa-buraco, terraplanagem, asfaltamentos das ruas dos bairros visando à melhoria de acesso, além dos serviços de iluminação pública”, frisou Marcos Aurélio.

  

A procuradora geral de Justiça, Maria de Fátima Travassos, ressaltou a importância da presença do secretário Marcos Aurélio, mostrando o compromisso de sua função pública e da gestão municipal. “Precisamos fazer um trabalho de políticas públicas em parceria para que o serviço público seja efetivado a favor do cidadão”, afirmou.

 

Participaram da audiência pública ainda o secretário estadual de Saúde, José Márcio Leite, o presidente da Associação dos Moradores do Angelim (AMA), Marcos Costa, além de promotores de Justiça, lideranças comunitárias de vários bairros e a população em geral.

 

AtendimentoDurante os três meses que a Promotoria Itinerante passou no Angelim, foram realizados 44 atendimentos referentes às questões coletivas e individuais do cidadão. A população do bairro também recebeu orientação jurídica e foram realizados acordos extrajudiciais.

 

Segundo o promotor responsável pelos serviços itinerantes do Ministério Público, Vicente de Paulo Silva Martins, o objetivo da promotoria é mediar conflitos nas comunidades e dinamizar a atuação do Ministério Público, descongestionando o Judiciário.

 

O programa das Promotorias Comunitárias Itinerantes foi criado em julho de 1998 e já percorreu os bairros do Anjo da Guarda, Vila Embratel, Jardim América, Ilhinha, Vicente Fialho, Jardim São Cristóvão, Bequimão, Recanto dos Pássaros, João de Deus, Coroadinho, Sol e Mar, entre outros.

 

FONTE: http://www.saoluis.ma.gov.br/frmNoticiaDetalhe.aspx?id_noticia=2910

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br