13/04/2011 12:00 am

SEDAGRO INAUGURA TELADO EM COMUNIDADE QUILOMBOLA DE BACABAL

As famílias das agricultoras quilombolas do povoado Catucá, em Bacabal, receberam a visita da secretária de Estado de Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Conceição Andrade, e do secretário de Estado de Programas Especiais, Jura Filho para a inauguração do projeto da Sedagro Cultivo de Hortaliças em Ambiente Protegido – Telados.

“Estive aqui antes e a situação das agricultoras era muito difícil, não havia água para a produção. Agora estamos inaugurando o Telado com sistema de irrigação das lavouras, com produtos de qualidade para comercialização nas feiras e mercados. Esta tem sido a meta da governadora Roseana Sarney, desenvolver a agricultura familiar do Maranhão com sustentabilidade. Agora vamos fazer capacitações regionais para qualificar os agricultores em produção nos Telados”, afirmou Conceição Andrade em reunião com a comunidade.

“As gerações futuras não vão ter as mesmas dificuldades que esta geração teve. A melhoria de vida é real. São oportunidades reais para que vocês possam tirar da terra o sustento das suas famílias. Tudo isto faz parte do plano da governadora Roseana Sarney para que o lugar onde vocês nasceram volte a ter oportunidades”, disse o secretário de estado de Programas Especiais, Jura Filho.

São quatro Telados instalados no município de Bacabal pela Sedagro. O Telado de Catucá é o maior do Maranhão, 80 x 50 m, num total de 4 mil m2, sendo 12 canteiros por família. Nele 25 mulheres trabalham no cultivo de cebolinha, coentro, alface crespa e roxa, pimenta, pepino, tomate cereja e grande, cuxá e milho híbrido verde doce para consumo in natura. De acordo com Aliomar Albuquerque, consultor da Sedagro, o Telado é um sistema coletivo de produção, mas os canteiros são individuais. Ele destacou que o cultivo protegido é um incentivo para a aprendizagem e para o crescimento da produção de hortaliças com qualidade.

“Aquela vida para trás era muito difícil, a gente ia para o mato, passava o dia sem comer, passávamos fome, agora não passamos mais. Nós fizemos tudo sozinhas, roçamos o mato, arrancamos os tocos, preparamos os canteiros, cavamos no braço, na enxada. Os homens não quiseram participar, diziam que a terra não prestava. Agora com o Telado eles estão ajudando. Não quero mais nem pensar no que passamos no passado”, declarou Rozinalva Miranda Costa, que tem 10 filhos e está grávida de 8 meses de uma menina.

“A gente levantava 4h da manhã e carregava o irrigador com 20 litros de água para molhar a horta, duas vezes ao dia. Quando faltava energia, íamos buscar água no açude e no brejo. Agora vai ser melhor, já temos irrigação”, falou a agricultora Maria dos Reis Cantanhede.

A secretária da Sedagro visitou ainda os Telados do povoado Luziana e São Benedito da Taboa, onde 18 famílias de agricultores (16 mulheres e dois homens) estão acreditando na potencialidade desta nova tecnologia. Assim como em Catucá, a produção de hortaliças em ambiente protegido em Luziana também já é uma referência no município de Bacabal, detendo a preferência no mercado local.

No povoado Aldeia, Conceição Andrade inaugurou um Sistema Agroecológico Integrado Sustentável (Sais), com plantio irrigado de hortaliças e frutas (laranja, tangerina, goiaba, banana e coco da praia) e criação de galinhas. São cinco Sais implantados pela Sedagro em Bacabal.

A vice-prefeita de Bacabal, Taugi Lago, informou que a Prefeitura está implantando o Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar (PAA), realizando as Feiras Livres do Produtor e cadastrando os agricultores para adquirir toda a produção para a merenda escolar.

No município de Alto Alegre do Maranhão, Conceição Andrade participou do encerramento do Seminário de Formação e Capacitação para Mulheres Trabalhadoras Rurais, promovido pela Sedagro juntamente com o Coletivo de Mulheres, reunindo 120 mulheres no Salão Paroquial da cidade.

Durante o seminário, representantes do Coletivo de Mulheres falaram sobre as suas ações, e a equipe da Sedagro apresentou os programas e projetos da Secretaria com enfoque na organização social, assistência técnica e políticas públicas para as mulheres trabalhadoras rurais.

 

FONTE: http://www.ma.gov.br/agencia/noticia.php?Id=15609

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br