17/11/2010 12:00 am

SECMA INTENSIFICA CATALOGAÇÃO PATRIMONIAL E HISTÓRICA NO MARANHÃO

SECMA INTENSIFICA CATALOGAÇÃO PATRIMONIAL E HISTÓRICA NO MARANHÃO

Técnicos do Departamento de Patrimônio Histórico, Artístico e Paisagístico do Maranhão, órgão da Secretaria de Estado da Cultura (Secma), estão intensificando, em diversas cidades maranhenses, a identificação de imóveis que podem vir a fazer parte do patrimônio material. O mesmo está sendo feito com as manifestações populares entre outros elementos caracterizados pela sua importância histórica na formação das regiões maranhenses e que podem ser considerados como patrimônio imaterial.  

Os trabalhos já foram iniciados em São Raimundo das Mangabeiras, Riachão, Carolina, Balsas, Caxias, Codó, Aldeias Altas, São João do Sóter, Barra do Corda, Grajaú, Pinheiro, Viana, Arari, Rosário e Alcântara.

Em São Raimundo das Mangabeiras, a equipe do Departamento criou uma parceria para o projeto do Cine São José, instalado em um dos mais antigos prédios do município, “logo, de valor simbólico e histórico para os moradores de São Raimundo das Mangabeiras”, explica José Morais Júnior.

O Cine já está na fase intermediária do cronograma de execução das obras. Posteriormente, ainda em São Raimundo das Mangabeiras, o Departamento de Patrimônio irá realizar duas capacitações, uma em Patrimônio Material e Imaterial e outra na área de biblioteconomia. “O Departamento possui uma política específica para esse tipo de ação”, conta José Morais Júnior.

Em Arari, a parceria se deu para a criação e desenvolvimento do projeto referente ao Museu da Cidade. Em Caxias, Viana e Carolina a equipe realizou a fiscalização, análise de projetos e parcerias com as promotorias e secretarias de cultura de cada um desses municípios.

Já em Carolina, a equipe realizou um trabalho de identificação das características arquitetônicas em prédios da cidade, bem como uma pesquisa dos moradores, recolhendo informações sobre ocupação e renda das famílias e sobre os serviços oferecidos em Carolina. Essa ação, especificamente, integra as que estão previstas no projeto Preservação e Valorização do Acervo Urbanístico, Arquitetônico e Paisagístico dos Centros Históricos Maranhenses de Carolina, Caxias e Viana. 

Os dados iniciais recolhidos em Carolina, bem como os dos demais municípios visitados na mais recente etapa do projeto de inventário histórico e arquitetônico, já estão sendo catalogados. 

Novas propostas

De acordo com José Morais Júnior, o Departamento de Patrimônio Histórico, Artístico e Paisagístico do Maranhão está em fase de negociação com secretarias de cultura, e respectivos departamentos de Patrimônio Histórico, dos municípios de Ouro Preto, São Paulo e Rio de Janeiro e com a Secretaria de Cultura do Estado de Minas Gerais, para o desenvolvimento de novos projetos na área patrimonial.

Uma equipe do Departamento de Patrimônio já está trabalhando na montagem do projeto, que prevê ações como capacitações técnicas na área de patrimônio; intercâmbio de profissionais dos departamentos envolvidos no projeto; aproximação com agências de pesquisa, para o desenvolvimento de estudos na área de patrimônio histórico; inventários completos de áreas tombadas, dentre outras.

“Também pretendemos criar uma Liga das Cidades Históricas, que facilitará o desenvolvimento de ações na área de preservação, bem como o intercâmbio de informações”, revela José Morais Júnior, acrescentando que a criação de um projeto conjunto entre cidades históricas irá facilitar o desenvolvimento de ações na área de políticas de preservação. “Algumas secretarias e departamentos de patrimônio já sinalizaram positivamente”, explica José Morais Júnior.

FONTE: http://www.ma.gov.br/agencia/noticia.php?Id=12752

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br