15/12/2010 12:00 am

SAÚDE: BRASIL REDUZ TAXA DE DESNUTRIÇÃO INFANTIL E ATINGE META ESTABELECIDA PELA ONU

SAÚDE: BRASIL REDUZ TAXA DE DESNUTRIÇÃO INFANTIL E ATINGE META ESTABELECIDA PELA ONU

A redução da taxa de desnutrição infantil, cuja queda é um dos principais fatores que contribuíram para a redução da morte entre crianças, era uma das metas do Objetivo de Desenvolvimento do Milênio. O Brasil atingiu sua meta, e foi premiado pela Organização das Nações Unidas (ONU), em setembro. O dado está no Saúde Brasil 2009, publicação anual do Ministério da Saúde que reúne análises e indicadores de saúde no País. 

O levantamento aponta o Brasil como um dos países que mais avançaram na redução da desnutrição infantil, entre 1989 e 2006. No período, a proporção de crianças menores de cinco anos com baixo peso para idade caiu de 7,1% para 1,8%; e com baixa altura, de 19,6% para 6,8%. 

Os resultados podem ser atribuídos a quatro fatores: o aumento da escolaridade materna; a melhoria do poder aquisitivo das famílias; a melhoria da atenção à saúde – principalmente para mulheres e crianças, coincidente com a expansão da Estratégia Saúde da Família (ESF) em todo País; e o aumento da cobertura de saneamento básico, como acesso à água encanada e rede de esgotamento sanitário. 

A evolução da Atenção Primária à Saúde é central para a garantia do acesso e promoção da saúde e prevenção de doenças. A ESF, carro-chefe da atenção primária, está presente hoje em 99% dos municípios brasileiros, com 31.500 equipes. Estudos internacionais mostram que cada aumento de 10% na cobertura da Saúde da Família corresponde uma redução de 4,6% na mortalidade infantil. 

Além da ESF, o Pacto pela Saúde e as ações de incentivo ao aleitamento materno são políticas públicas do Ministério da Saúde essenciais no combate à desnutrição.


Fonte:
Ministério da Saúde

 

FONTE: http://www.brasil.gov.br/noticias/arquivos/2010/12/14/saude-brasil-reduz-taxa-de-desnutricao-infantil-e-atinge-meta-estabelecida-pela-onu

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br