18/10/2012 12:00 am

Quinta greve geral na Grécia mostra descontentamento da população às medidas da troika

Quinta greve geral na Grécia mostra descontentamento da população às medidas da troika

Nesta quinta-feira, 18 de outubro, aconteceu a quinta greve geral do ano, a segunda apenas este mês, na Grécia. O protesto é contra o novo pacote econômico de 13,5 bilhões de euros negociado entre o Governo e a troika (grupo formado pela Comissão Europeia, Banco Central Europeu (BCE) e Fundo Monetário Internacional (FMI)).

 

No lado de fora do Parlamento grego tiveram manifestações com violência. Foram atiradas bombas caseiras, garrafas e pedras, a tropa de choque respondeu usando bombas de efeito moral e gás lacrimogêneo.

Na Tessalonica, ao norte da Grécia, mais de 17 mil pessoas estavam protestando.

Os setores envolvidos na greve são o transporte aéreo, marítimo, ferroviário e urbano. Também estão em greve as escolas, hospitais, bancos e existe pressão da Confederação Nacional do Comércio para que os lojistas fechem suas portas.

 

Os trabalhadores contaram com a convocação dos principais sindicatos do país, o GSEE representando o setor privado e o ADEDY representando o setor público.

 

Os funcionários dos metrôs e das empresas de ônibus fizeram paralisação durante esta manhã, mas garantiram funcionalidade parcial para permitir a locomoção da população para o centro de Atenas, onde aconteceram marchas sindicais.

 

Dentro das medidas no acordo com a troika estão à elevação da idade da aposentadoria de 65 para 67 anos e cortes de gastos do setor publico, com redução de salários e prestações sociais.

 

Conforme os dados da Dow Jones, o país poderá ficar sem dinheiro no final de novembro.

 

Com informações do Estadão e fotos em domínio do Google

http://cspconlutas.org.br/2012/10/quinta-greve-geral-na-grecia-mostra-descontentamento-da-populacao-em-relacao-a-troika/

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br