27/10/2010 12:00 am

PROJETO APROVADO NO PIBEX É IMPLANTO EM ESCOLAS DE BRASÍLIA

PROJETO APROVADO NO PIBEX É IMPLANTO EM ESCOLAS DE BRASÍLIA

 

“Educação Sexual: uma nova abordagem”, foi o tema do projeto inscrito pelo professor Glauber Augusto Coêlho, com a orientação da professora Maria José Fiquene, no Programa Institucional de Bolsas de Extensão (Pibex), realizado pela Universidade Estadual do Maranhão (Uema) em 2010, e que tomou outras proporções ao se transformar em Programa de Saúda na Escola, implantado em cidades Satélites de Brasília.

O professor Glauber em sala de aula

De acordo com o professor Glauber, que é fisioterapeuta e pedagogo, o programa foi – a priori –, implantado em duas escolas, dando prioridade, neste primeiro momento, aos estudantes do ensino fundamental e médio. Mas a intenção, segundo Glauber, é ampliá-lo para outros níveis do ensino, em breve.

O professor explicou que o objetivo principal dessa iniciativa é repassar ao público em foco, a importância da saúde como um mecanismo indispensável à vida do estudante. E para mostrar, de forma prática a essência de seus estudos, o professor está trabalhando o programa em três eixos temáticos: Palestras, Oficinas e Acompanhamento “in loco”. 

Otimista com o programa, Glauber diz que já vislumbra importantes resultados no seu trabalho. “Conseguimos prevenir o aparecimento de algumas doenças nas escolas onde atuamos, e os alunos respondem, de forma satisfatória, participando ativamente do programa”, esclarece o professor. E acrescentou: “Pretendemos ampliar essa idea, trazendo-a para o Maranhão, onde teve origem, pois foi muito bem recebida em Brasília, mas para isso, precisamos fazer uma parceria com a Uema”.

Glauber Coelho ressalta que sentiu a necessidade de criar um programa dessa natureza, quando percebeu que os alunos do ensino fundamental e médio tinham uma carência muito grande de atendimento, relacionado à saúde dentro das escolas, “por esta razão, vi que era importante desenvolver um trabalho nessa área”, justifica.

Participam das atividades, médicos enfermeiros, fisioterapeutas, entre outros, principalmente depois que foram incluídos os itens, prevenção de problemas na coluna e alimentação saudável.

Lugar: Uema-São Luís
Fonte: ASCOM – Alcindo Barros – http://www.uema.br/noticiasPAGINAPRINCIPAL.asp?contador=1683&tipo=1&tema=Not%EDcias&coluna=1&pagina=0

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br