8/07/2011 12:00 am

PRESIDIÁRIOS NA CALIFÓRNIA MANTÊM GREVE DE FOME

Milhares de internos da prisão californiana de Pelican Bay em Crescent City mantiveram nesta quinta-feira (7) uma greve de fome, que dura sete dias, para pôr fim à prática do confinamiento solitário.

Os prisioneiros desse centro penitenciário do oeste estadunidense consideram esse castigo como cruel e inusual, que viola a Constituição deste país.

“Não só os estão torturando, mas os degradando a condições infrahumanas, e isto viola a Constituição”, declarou ao com respeito a jornal californiano La Opinion,Luis García, membro do Senate Selected Community Committee on Califórnia Correctional System, uma organização de pais e amigos de presos.

John Martínez, um dos grevistas, esteve encerrado na última década quase 24 horas por dia em uma cela de seis metros quadrados, sem janelas, com luz elétrica acesa o tempo todo e não tem acesso a falar nem conviver com ninguém, destacou o jornal.

“Estou cumprindo um isolamento perpétuo, não porque tenha tido um comportamento violento ou negativo, mas por minha origem étnica e associação com prisioneiros da mesma raça”, indicou Martínez em um comunicado revelado por sua mãe Dores Canales, residente do condado californiano de Orange.

A mãe do réu de 35 anos afirmou que o isolamento dos reclusos sem contato com outras pessoas deveria ser por períodos curtos e não permanente.

Conforme dados oficiais, 41 internos cometeram suicídio nas prisões estatais de Califórnia em 2006, 69% deles estavam confinados, proibidos de contatar qualquer pessoa.

Por sua vez Terry Thorton, porta-voz do Departamento de Prisões de Califórnia, disse à imprensa que até ontem foram reportados 2.100 internos em greve de fome em nove prisões desse estado.

A cela onde estão prisioneiros como Martínez é conhecida por SHU, Security Housing Unit, em sua sigla em inglês e é considerada pelos réus e suas famílias como “prisão dentro de uma prisão”.

Até 19 de maio havia 3.259 presos nas celas do tipo SHU nos cárceres californianos.

Fonte: Prensa Latina

 

FONTE: http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=158262&id_secao=9

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br