30/07/2012 12:00 am

No Equador, Correa denuncia fraude em inscrição de partidos

No Equador, Correa denuncia fraude em inscrição de partidos

 

O presidente do Equador, Rafael Correa, denunciou no último sábado (28) a ocorrência de uma falsificação em larga escala de assinaturas de eleitores para a inscrição de partidos políticos para as próximas eleições, que serão realizadas em 17 de fevereiro. Na disputa do ano que vem, o chefe de Estado vai concorrer à reeleição.

 

“É gravíssimo, uma das maiores fraudes da história, fraude política que demonstra a corrupção política que havia no país”, disse Correa. “Refiro-me à falsificação maciça de assinaturas para inscrever de forma fraudulenta movimentos políticos.”

 

O governante disse que já tinha informação sobre a fraude e citou empresas que vendem rubricas a “políticos sem escrúpulos”. “Estamos falando de movimentos que têm 70% e 80% de assinaturas falsificadas.”

 

No processo de habilitação para as eleições de 2013, os partidos tiveram de apresentar, em julho, 157 mil assinaturas válidas de eleitores.

 

Ele pediu aos equatorianos para verificarem se suas assinaturas não foram falsificadas. O movimento governista Aliança País, que conta com mais de um milhão de assinaturas, fornecerá advogados aos eleitores para apresentar denúncias criminais caso sua assinatura tenha sido roubada.

 

Fonte: Opera Mundi

http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=189764&id_secao=9

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br