29/12/2011 12:00 am

No Chile, Piñera registra pior índice de popularidade desde 1990

No Chile, Piñera registra pior índice de popularidade desde 1990

DA ANSA, EM SANTIAGO DO CHILE

O índice de popularidade do presidente do Chile, Sebastián Piñera, voltou nesta quinta-feira a registrar queda e atingiu 22%, seu pior nível para um chefe de Estado chileno desde 1990, quando o país retomou a democracia após um período de ditadura militar.

A baixa aprovação foi divulgada pelo Centro de Estudos Públicos (CEP) hoje, o mesmo dia em que foram confirmadas as renúncias dos ministros da Educação, Felipe Bulnes, e da Agricultura, José Antonio Galilea.

De acordo com a sondagem, 77% da população do Chile desaprova a gestão de Piñera. Carolina Segovia, funcionária do CEP, apontou que as mobilizações estudantis –que tiveram o apoio de mais de 60% dos chilenos– continuam a afetar o governo.

Questionada se existe a possibilidade do índice de aprovação cair ainda mais, Segovia relembrou que a escala vai “de 1 a 100”, e que o ex-presidente do Peru Alejandro Toledo (2001-2006) chegou a registrar 4% de apoio, um recorde regional.

A popularidade de Piñera, que assumiu a Presidência em março do ano passado, entrou em declínio após a operação de resgate dos 33 mineiros em outubro de 2010, quando atingiu seu maior nível de aprovação (63%).

http://www1.folha.uol.com.br/mundo/1027669-no-chile-pinera-registra-pior-indice-de-popularidade-desde-1990.shtml

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br