29/03/2011 12:00 am

NEGOCIAÇÕES PROSSEGUEM NO RIO DE JANEIRO

No dia 23 de março, os representantes da bancada dos trabalhadores no Conselho Estadual de Trabalho e Renda (Ceterj) estiveram reunidos como presidente da Alerj, deputado Paulo Melo, e com o presidente da Comissão de Trabalho da Casa, Ricardo Abraão. Em pauta, o reajuste do piso salarial regional, a recomposição das perdas, bem como a discussão sobre uma política permanente de reajuste.


O presidente do Ceterj, Indalécio Wanderley, que também é secretário de Organização da CUT-RJ, defendeu que além do índice de 6,86% encaminhado pelo governo do estado, o píso tenha mais um acréscimo de 4,5%, a título de recomposição das perdas acumuladas ao longo dos últimos anos. Com isso, o reajuste pode chegar a 11,67%, uma vez que tanto Paulo Melo como Ricardo Abrão se mostraram receptivos à proposta.


A votação do projeto está marcada para a próxima quarta-feira, dia 30, a partir das 13h, no plenário da Alerj. A CUT-RJ chama a atenção dos seus sindicatos filiados para a importância do comparecimento em massa nesta sessão da Assembleia Legislativa do estado. A pressão democrática sobre os parlamentares é fundamental para a conquista de um reajuste digno para o piso regional.

 

A bancada dos trabalhadores também tentará aprovar uma emenda estabelecendo uma política duradoura de reajuste para o piso, semelhante à do salário mínimo nacional : a inflação do período mais a variação do Produto Interno Bruto de dois anos antes, com duração até o ano de 2015. A proposta apresentada pelos trabalhadores foi vista com bons olhos por Paulo Melo e Ricardo Abraão.

 

FONTE: http://www.cut.org.br/destaque-central/44467/negociacoes-prosseguem-no-rio-de-janeiro

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br