13/09/2010 12:00 am

MST OCUPA 10º LATIFÚNDIO IMPRODUTIVO EM MINAS GERAIS

MST OCUPA 10º LATIFÚNDIO IMPRODUTIVO EM MINAS GERAIS

13 de setembro de 2010


Da Agência Brigadista de Notícias

Cerca de 100 famílias do MST ocuparam uma fazenda improdutiva no município de Funilândia, divisa com Sete Lagoas, a 100 quilômetros de Belo Horizonte, na manhã desta segunda-feira (13/9).

Com essa ocupação, o MST chega a 10 áreas ocupadas em Minas Gerais neste ano.

A fazenda de nome Granja Manoa é de propriedade de Oto Guimarães Mourão. A área está abandonada há vários anos.

O proprietário tem o título de apenas 97 dos 520 hectares da propriedade – o que caracteriza ser terra devoluta.

Além disso, a propriedade possui duas matrículas junto ao Incra, o que é mais um sinal de irregularidade.

Próxima a Sete Lagoas, a fazenda está em uma região invadida pelo agronegócio, pela monocultura do eucalipto, sofrendo os impactos do modelo de desenvolvimento que abusa do uso de agrotóxicos, concentra renda, não emprega, e destrói o meio ambiente.

A ocupação tem por objetivo pressionar pela desapropriação da fazenda, que deve cumprir a função social.

Na área, os Sem Terra pretendem desenvolver a agricultura familiar e a produção de alimentos saudáveis para a cidade.

O MST cobra também o assentamento das 3.000 famílias acampadas em Minas Gerais e assistência técnica e liberação de crédito agrícola para as famílias assentadas.

FONTE: http://www.mst.org.br/node/10578

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br