19/01/2011 12:00 am

MORALES FOI ALVO DE UM PLANO PARA DIVIDIR A BOLÍVIA, DIZ LINERA

MORALES FOI ALVO DE UM PLANO PARA DIVIDIR A BOLÍVIA, DIZ LINERA

O vice-presidente da Bolívia, Álvaro García Linera, afirmou que o presidente boliviano, Evo Morales, foi alvo de um atentado que ameaçou também dividir a Bolívia. Linera disse ainda que o assunto é investigado pela Procuradoria de Justiça da Bolívia. Segundo o vice-presidente, uma quadrilha planejou o atentado entre 2008 e 2009.

“Eles [os idealizadores do plano] tiveram a ideia de promover um conflito violento para enfrentar e atentar contra Evo Morales de forma ameaçadora”, disse Linera. 

“Foi a primeira tentativa de querer dividir a Bolívia, descoberta pelos serviços de inteligência e, em seguida, verificado por meio de dezenas de declarações.”

As afirmações de Linera ocorreram durante a abertura do 52º Prêmio Literário Casa das Américas, em Havana (Cuba). O vice-presidente informou sobre as investigações a respeito do atentado ao ser perguntado sobre a divulgação de um vídeo com imagens sobre o pagamento de um suposto suborno a uma testemunha-chave.

“A Justiça deveria determinar a origem da gravação, tudo relacionado com o fato, mas isso não se pode duvidar, sem afetar a investigação em curso sobre a conspiração que houve para promover [um movimento] separatista na Bolívia”, disse Linera.

Em seguida, o vice-presidente acrescentou que: “[Há] mais de duas dúzias de depoimentos, incluindo vários recrutados no exterior e vários documentos em mãos do procurador confirmam a extensão da conspiração”.

Fonte: Agência Telam

 

FONTE: http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=145688&id_secao=7

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br