29/10/2010 12:00 am

MA TERÁ NOVA EDIÇÃO DO FÓRUM DE EDUCAÇÃO E DIVERSIDADE RACIAL

MA TERÁ NOVA EDIÇÃO DO FÓRUM DE EDUCAÇÃO E DIVERSIDADE RACIAL

O foco principal é a lei que obriga o ensino da História da África no ensino fundamental e médio.

Imirante

SÃO LUÍS – Uma nova edição do Fórum de Educação e Diversidade Racial deverá ser realizada até o final do ano. O evento será promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), em parceria com Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade (Secad) do Ministério da Educação. O tema foi tratado durante uma reunião técnica entre o secretário de Educação, Anselmo Raposo, e o representante da Secretaria de Educação Continuada e Diversidade (Secad), Antônio Mário Ferreira.

 

O encontro realizado, na quarta-feira (27), na Seduc, contou ainda com a participação das representantes da equipe de educação das relações étnico-racial da Seduc, Ilma Fátima de Jesus e Georgiana Márcia Oliveira Santo.

 

O representante da Secad/MEC, Antônio Mário Ferreira, destacou que o fórum continua com o foco voltado para dar maior visibilidade à lei 10.639/03, que estabelece a obrigatoriedade do ensino de História da África no ensino fundamental e médio. Uma das finalidades dessa lei é sanar ou diminuir os prejuízos sociais causados pelos estigmas e estereótipos criados em relação ao negro.

 

Ele explicou que fórum é fundamental para garantir a gestão democrática nas escolas da rede estadual de ensino e a formação continuada dos professores, que serão capacitados para repassar aos alunos uma visão de cidadania e construção da identidade nacional.

 

Para o secretário de Educação, Anselmo Raposo, a formação continuada é uma forma de capacitar os professores da rede estadual de ensino para trabalhar com a origem afro-descendente da maioria dos alunos e mostrar a importância que deram para construção do engrandecimento da história do país.

 

Raposo frisou que o primeiro fórum foi realizado no início de sua gestão e sua meta, agora, é promover o segundo fórum para implementar e capacitar o corpo docente da Seduc, observando que o Maranhão é o segundo maior estado do país em contingente populacional negro.

FONTE: http://imirante.globo.com/noticias/2010/10/29/pagina257854.shtml

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br