19/01/2011 12:00 am

MA AVANÇA EM INDICADORES DE PACTO NACIONAL PELO SEMIÁRIDO

MA AVANÇA EM INDICADORES DE PACTO NACIONAL PELO SEMIÁRIDO

O estado do Maranhão melhorou em 11 dos 14 indicadores do Pacto Nacional Um Mundo para a Criança e o Adolescente do Semiárido. O avanço integra relatório do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e foi comunicado à governadora Roseana Sarney pela secretária de Estado de Igualdade Racial, Claudett Ribeiro, na tarde desta terça-feira (18).

Entre os estados, o Maranhão alcançou destaque na média nacional em relação a dois indicadores: Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) e Percentual de Crianças de 0 a quatro meses com aleitamento materno exclusivo. “Essa foi uma grande conquista do Maranhão. Agora, nossa expectativa é melhorar muito mais”, declarou a secretária.

Quanto ao IDEB, o Maranhão obteve um avanço de 20%, cerca de seis pontos percentuais a mais que a evolução nacional. O estado foi o terceiro nesse indicador, atrás de Pernambuco (25,9%) e Ceará (25,8%).

No aleitamento, com 7,2% de avanço, o dobro da média nacional, foi o segundo do Pacto que mais progrediu nesse indicador. O Rio Grande do Norte foi o que mais melhorou, com 7,3%, diferença de apenas 0,1 ponto percentual em relação ao Maranhão. A melhoria foi maior no próprio Semiárido maranhense, onde esse indicador obteve 9,6%, acima da média estadual de 7,2%.

Em documento encaminhado à governadora, a representante do Unicef no Brasil, Marie-Pierre Poirier, destacou o empenho do governo na obtenção dos resultados propostos. “Nosso especial reconhecimento pelo seu empenho e pelo intenso trabalho do Comitê Estadual do Pacto que tiveram participação decisiva na articulação das ações que viabilizaram a melhoria de situação das crianças e adolescentes da região”, observou.

O Semiárido

Ao todo, 46 municípios integram a região do Semiárido maranhense. Na lista, estão Afonso Cunha, Aldeias Altas, Brejo, Buriti Bravo, Caxias, Chapadinha, Humberto de Campos, Matões, Loreto, Nina Rodrigues, Paraibano, Santa Quitéria do Maranhão, Primeira Cruz, São Bernardo, São João do Sóter, Tutóia, Timon, Vargem Grande e Urbano Santos.

No Maranhão, o Pacto Nacional Um Mundo para a Criança e o Adolescente do Semiárido é coordenado pelo Comitê Gestor Estadual, que reúne órgãos do governo, sociedade civil e entidades, todos sob o comando da Secretaria Extraordinária de Igualdade Racial (Seir). Também integram o comitê as secretarias de Estado de Saúde, Educação, Mulher, Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Cidadania, Trabalho e Economia Solidária.

Da sociedade civil, participam Agência de Notícias da Infância Matraca, Associação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas do Maranhão, Instituto Formação, Grupo de Apoio à Comunidades Carentes do Maranhão, Articulação do Semiárido e Rede Sou de Atitude. Além desses, integram ainda os Conselhos Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente; de Assistência Social; e de Igualdade Etnicoracial; Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema) e Universidade Federal do Maranhão (UFMA).

 

FONTE: http://www.ma.gov.br/agencia/noticia.php?Id=13810

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br