20/12/2010 12:00 am

JORNAL CHINÊS ACUSA EUA DE DESEMPENHAREM "PAPEL DESTRUTIVO"

JORNAL CHINÊS ACUSA EUA DE DESEMPENHAREM “PAPEL DESTRUTIVO”

Um jornal chinês acusou hoje os Estados Unidos de desempenharem “um papel destrutivo” na península coreana, afirmando que, dada a persistente tensão entre as duas Coreias, “não é de excluir a eclosão de um grande conflito militar” na região.

“Os Estados Unidos não estão a desempenhar um papel responsável. Apesar de terem enviado um emissário especial a Pyongyang para o diálogo, o apoio dos EUA a estas manobras (sul-coreanas) estão apenas a encostar a Coreia do Norte à parede”, disse o Global Times no seu editorial.

 Segundo o jornal, o nordeste da Ásia encontra-se “num momento crítico”.

 A reação norte-coreana ao exercício militar sul-coreano com fogo real programado para hoje na ilha Yeongpyong “é previsível” e se as autoridades de Seul não o suspenderem, “não é excluir a eclosão de um grande conflito militar”, afirmou o Global Times.

 Há cerca de um mês, aquela ilha foi palco do mais violento duelo de artilharia entre as duas Coreias em quase sessenta anos, que causou quatro mortos do lado sul-coreano, dois dos quais civis.

 “O que quer que aconteça, é impossível a Coreia do Sul reunificar a península coreana”, advertiu o Global Times, publicação em língua inglesa do grupo Diário do Povo, órgão oficial do Partido Comunista Chinês.

 O editorial do jornal advertiu Pyongyang de que “a Coreia do Norte deve estar igualmente ciente que uma guerra nunca resolverá os difíceis constrangimentos do país”.

 “Por mais objeções que tenha acerca de negociar e estabelecer uma relação com outros países, a Coreia do Norte tem que seguir este caminho”, acrescentou.

 

FONTE: http://dn.sapo.pt/inicio/globo/Interior.aspx?content_id=1739258&seccao=%C1sia

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br