18/10/2010 12:00 am

I CONGRESSO INTERNACIONAL DE DIALETOLOGIA E SOCIOLINGUÍSTICA INICIA COM GRANDE SUCESSO

I CONGRESSO INTERNACIONAL DE DIALETOLOGIA E SOCIOLINGUÍSTICA INICIA COM GRANDE SUCESSO

 

Durante o evento serão debatidos o crescimento educacional no País

 

No último domingo, 17, a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) realizou, no Palácio Cristo Rei, a abertura do I Congresso de Dialetologia e Sociolinguística, no qual a professora Socorro Aragão, doutora em Linguística pela Universidade de São Paulo (USP), foi à homenageada do evento. As atividades serão realizadas até o dia 21 deste mês, com a participação de aproximadamente 700 pessoas, entre elas convidados internacionais.

Para o professor José de Ribamar Mendes, o I Congresso é a grande possibilidade do encontro com as pessoas como pesquisadores, que dedicam suas vidas às Ciências Humanas e Sociais. “Este congresso possibilita o encontro de pesquisadores nacionais com estudantes de graduação e pós graduação, com professores de ensino fundamental, do ensino médio, das principais universidades federais, estaduais do Brasil e do Mundo. O congresso conta também, com profissionais do mundo todo que estão se conhecendo, a fim de trocarem ideias e conhecimentos sobre o futuro da educação”, afirma Mendes.

A primeira edição deste evento foi marcada pela homenagem à professora doutora Maria do Socorro Silva Aragão, da Universidade Federal do Ceará (UFC), que tem grande influência na área da dialética e sociolinguistica. Segundo o professor Mendes, o qual organizou todo este momento, a professora Socorro tem importantes estudos para a educação no Maranhão. “Desde a década de 70 que a professora está presente no Estado formando docentes, auxiliando discentes que possuem pesquisas e a grande luta da professora em sua vida, em seu trabalho com a linguagem e o trabalho com a dialetologia e a sociolingüística, que contribui para o crescimento e para melhorar a qualidade do ensino nas escolas do Estado”, explica Mendes.

O vice-reitor da UFMA, Antonio Oliveira, em exercício da reitoria, ressalta a importância da realização de um evento como este, e o quão valioso será para o Estado, visto que discutem o desenvolvimento da educação no País. “As dificuldades para realizar este evento são muitas, e para que ele seja realizado, é necessário bastante persistência, e isso não faltou aos organizadores do evento, que lutaram e acreditaram para que esse congresso acontecesse. Quero firmar o compromisso da Universidade em se fazer presente em todos estes evento, a fim de levar conhecimento e conteúdo, além de debater questões de grande importância para o nosso Estado, como a educação que é o foco deste encontro”, contemplou o vice-reitor.

A homenageada e conferencista Socorro Aragão ressaltou os problemas educacionais, no qual fez referência quantitativamente ao que diz respeito ao desenvolvimento do País. “Em termo de educação universitária, nós estamos em uma posição muito baixa. Estamos lutando há vários anos para melhorar as universidades, por conseqüência a educação, mas o problema é que as tecnologias, as inovações estão aumentando, e estamos ficando atrás, não estamos acompanhando o desenvolvimento educacional no País como um todo, porque educação é um conjunto de professores, estudantes, administração, recursos, equipamentos, tudo isso faz com que a universidade cresça e a educação apareça”, finaliza Socorro Aragão.

 

Edição: Dyego Rodrigues

 

Lugar: Palácio Cristo Rei
Fonte: Sansão Hortegal
Notícia alterada em: 18/10/2010 16h11

 

FONTE: http://www.ufma.br/noticias/noticias.php?cod=9391

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br