25/07/2012 12:00 am

Honduras: pré-candidato denuncia corrupção no processo eleitoral

Honduras: pré-candidato denuncia corrupção no processo eleitoral

 

Nesta quarta-feira (25), o pré-candidato presidencial nacionalista Fernando Anduray questionou a inclusão de grupos políticos corruptos aspirantes ao cargo de deputados em Honduras.

 

De acordo com Anduray, os formulários entregues pelas correntes inscritas para participar das eleições gerais do próximo ano estão cheias de nomes de parlamentares corruptos que aprovaram leis favoráveis ao capital estrangeiro.

 

“A maioria dos deputados, que votaram por estas leis, perderam a qualidade moral para pedir sua reeleição. Acredito que o povo hondurenho não pode ser castigado colocando deputados que estão dispostos a fazer o mesmo contra o povo”, expressou.

 

Mencionou a cumplicidade de alguns dos anotados na concessão, sem licitação pública internacional, de 52 contratos diretos para a exploração da energia elétrica e outros para transnacionais como Interaiports e Loto.

 

“Basta ver como foram favorecidos os interesses de grupos específicos no Congresso Nacional. Isso é corrupção e viola a soberania do país”, afirmou.

 

Desta vez o processo eleitoral tem matizes históricas em Honduras, pela inclusão de quatro novos partidos e a participação de oito forças políticas nas eleições de 2013.

 

Nas eleições internas e primárias, programadas para novembro de 2012, participarão os partidos Nacional (PN) e Liberal (PL)  e pela primeira vez o Liberdade e Refundação (Livre) e a Frente Ampla Política Eleitoral na Resistência (Faper), ambas da esquerda.

 

Os dois últimos surgiram em meio a uma crescente crise bipartidarista que o país vive e em virtude do golpe de Estado contra o ex-presidente Manuel Zelaya, cuja organização Livre é apoiada por milhares de participantes na resistência contra o distúrbio militar do dia 28 de junho de 2009.

 

Os partidos minoritários – Inovação e Unidade (Pinu), Democracia Cristã (DC) e Unificação Democrática (UD) , não desenvolveram nesta ocasião eleições internas, por falta de capacidade econômica.

 

Com Prensa Latina

http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=189398&id_secao=7

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br