6/03/2012 12:00 am

Greve de professores de Goiás completa um mês

Greve de professores de Goiás completa um mês

DANIEL CARVALHO
DE SÃO PAULO

A greve de professores na rede estadual de ensino de Goiás chega nesta terça-feira (6) ao 30º dia. O Sintego (Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás) diz que o governo adotou uma manobra prejudicial à categoria para atingir o valor do piso. O ponto dos grevistas foi cortado.

Sindicato e governo reuniram-se na segunda-feira (5), mas não chegaram a um acordo. Nem nos números eles se entendem. Enquanto a Secretaria Estadual de Educação indica adesão de apenas 8,8% das 1.095 escolas, grevistas apontam que 70% das unidades estão sem aula.

Há divergências até mesmo no número de alunos. Governo diz atender 600 mil estudantes, enquanto professores afirmam ensinar a 900 mil.

Uma nova assembleia da categoria está marcada para quinta-feira (8).

O sindicato reclama que a titularidade –gratificação concedida aos educadores com cursos de qualificação– foi incorporada ao salário base de R$ 1.006 no final do ano passado para que o piso de R$ 1.187 fosse alcançado.

“Ao incorporar, [o governo] não pagou o piso e deixamos de receber a titularidade. Essa é a principal reivindicação. Não abrimos mão da titularidade e do nosso pagamento em dia, sem corte de ponto”, afirma a presidente do Sintego, Iêda Leal.

A Secretaria da Educação confirmou, por meio de sua assessoria de imprensa, que até dezembro pagava apenas R$ 1.006 e que a titularidade foi incorporada. Hoje, o salário base é de R$ 1.460, R$ 9 a mais que os R$ 1.451 estabelecidos pelo Ministério da Educação na semana passada.

Para o governo, o foco da greve não é a incorporação do benefício, mas a criação de uma política de avaliação de desempenho. Os critérios para conceder gratificações de até 60%, no entanto, só serão divulgados em abril.

 

 

Arte/Folhapress

 

http://www1.folha.uol.com.br/saber/1057959-greve-de-professores-de-goias-completa-um-mes.shtml

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br