21/01/2011 12:00 am

GOVERNO INTERINO DA TUNÍSIA RECONHECE TODOS OS PARTIDOS E AMNISTIA PRESOS POLÍTICOS

GOVERNO INTERINO DA TUNÍSIA RECONHECE TODOS OS PARTIDOS E AMNISTIA PRESOS POLÍTICOS

O Governo interino da Tunísia reuniu-se esta quinta-feira pela primeira vez desde a tomada de posse e aprovou um projecto para reconhecer todos os partidos e amnistiar os presos políticos.

“Não há volta atrás”, garantiu à BBC, Slim Amamou, o “blogger” dissidente nomeado ministro da Juventude e que foi mantendo os internautas a par do que se passava no Conselho de Ministros através do Twitter.

Néjib Chebbi, um dos dois líderes da oposição que ainda se mantêm no Executivo, explicou que a amnistia inclui os islamistas do Ennahda, movimento ilegalizado por Ben Ali. Um porta-voz do Governo garantiu que todos os 1800 presos políticos do país foram já libertados, mas a Al-Jazira garantiu que alguns islamistas permaneceriam presos ao abrigo das leis antiterrorista.

“Chegámos a acordo para uma amnistia geral, disse à Reuters Ahmed Ibrahim, que integrava um partido da oposição e é agora ministro da Educação no novo Governo de união. “Este encontro foi histórico”, adiantou, satisfeito com o resultado do primeiro encontro governamental após o derrube do antigo Presidente Ben Ali, que esteve 23 anos à frente do regime autoritário da Tunísia. 

Na reunião foi ainda aprovado um luto nacional de três dias em memórias das vítimas da repressão e a reabertura “na próxima semana” das universidades e das escolas. 

Esta quinta-feira voltou a haver protestos em várias cidades da Tunísia, como Gafsa ou Kef. Em Tunes, um grupo de juízes apelou à resignação dos magistrados que trabalhavam para o antigo chefe de Estado. O estado de emergência continuou, mas há agora menos horas de recolher obrigatório.

 

FONTE: http://www.publico.pt/Mundo/governo-interino-da-tunisia-reconhece-todos-os-partidos-e-amnistia-presos-politicos_1476337

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br