3/03/2011 12:00 am

GOVERNO ASSISTE ATINGIDOS POR ENCHENTE EM TRIZIDELA DO VALE

GOVERNO ASSISTE ATINGIDOS POR ENCHENTE EM TRIZIDELA DO VALE

Com o primeiro registro de elevação do nível do Rio Mearim, com cheias no município de Trizidela do Vale (cerca de 280 km de São Luís), o Governo do Maranhão colocou em prática o planejamento traçado nos últimos meses pelo Comitê de Prevenção e Assistências às Populações Vítimas das Chuvas (CPAV), que congrega secretárias e órgãos do Estado. Homens da Defesa Civil Estadual estão no município desde a manhã desta terça-feira (1º), auxiliando as vítimas, fazendo levantamento de danos e monitorando o rio. 

O secretário-chefe da Casa Civil, Luís Fernando Silva, coordenador-geral do Comitê, informou que, nesta quinta-feira (3), a Secretaria de Estado de Saúde (SES) enviará equipes de imunização (vacinas) e vigilância epidemiológica ao local. Além disso, a Defesa Civil já colocou uma lancha e 10 militares aptos em salvamento para apoio aos desabrigados.

“Essa ação imediata é fruto de um trabalho que vem sendo realizado pelo governo, por meio do Comitê, que se antecipou ao problema e traçou um planejamento de ações, agora colocadas em prática”, destacou Luís Fernando Silva.

O planejamento do Governo engloba ações de todos os órgãos estaduais que se estenderão até o período pós-cheias. Dentro desse plano, a Secretária de Segurança Pública faz a coordenação de logística; a de Cidades e Desenvolvimento Urbano é responsável pelo monitoramento da Barragem do Flores; a Companhia de Saneamento Ambiental providencia banheiros químicos; o Corpo de Bombeiros, em parceria com o Exército, distribui colchões; e a Secretaria de Desenvolvimento Agrário fará distribuição de sementes para os produtores atingidos pelas enchentes, entre outras atividades a serem desenvolvidas.

“É um compromisso do governo prestar essa assistência à população atingida pelas cheias, por isso o Corpo de Bombeiros, por meio da Defesa Civil,  imediatamente foi enviado a Trizidela do Vale apoiando o município em suas ações”, declarou o secretário de Segurança, Aluísio Mendes. 

Monitoramento


De acordo com dados da Defesa Civil Estadual, em Trizidela do Vale já são 3.025 desabrigados, 80 desalojados, e 4.230 afetados. O secretário Executivo do órgão, coronel Robério dos Santos, um dos primeiros a chegar à área atingida, informou que a situação na cidade está sendo acompanhada de perto. “Estávamos em contato direto com o município e também capacitamos equipe da Defesa Civil Municipal, que tomou as providências corretas logo após o ocorrido”. 

Segundo coronel Robério, o Rio Mearim subiu 6 metros além do nível normal, sendo que uma pequena baixa foi registrada nesta quarta-feira (2). “Apesar da redução do nível, a situação em Trizidela do Vale é delicada, pois vários bairros estão alagados”, afirmou ele, relatando ainda não ter chovido na cidade desde a noite da terça-feira (1), mas que foi registrada chuva na cabeceira do Rio Mearim. 

O coronel Robério dos Santos informou que a Defesa Civil está trabalhando para minimizar o drama dos atingidos pela cheia. “A expectativa é que o rio volte a subir, por isso estamos fazendo um monitoramento permanente. Além disso, estamos auxiliando os desabrigados, que estão alojados em escolas e salões paroquiais de igrejas”, ressaltou.

QUADRO


SITUAÇÃO NO MARANHÃO

Desabrigados no Maranhão: 3.025 famílias

Desalojados no Maranhão: 80 famílias

Afetados: 4.230 famílias

Fonte: Defesa Civil Estadual

 

FONTE: http://www.ma.gov.br/agencia/noticia.php?Id=14731

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br