2/02/2012 12:00 am

FMI alerta que AL deve se preparar ‘para o pior’

FMI alerta que AL deve se preparar ‘para o pior’

 

Segundo o diretor para Hemisfério Ocidental do FMI, Nicolás Eyzaguirre, a América Latina não conseguirá escapar de ser afetada pelos efeitos da piora na economia global

 

 

O diretor para Hemisfério Ocidental do Fundo Monetário Internacional (FMI), Nicolás Eyzaguirre, asseverou nesta quinta-feira, 2, em seu blog, que a América Latina não conseguirá escapar de ser afetada pelos efeitos da piora na economia global e prevê um cenário “mais sombrio” para a região este ano.

 

“Esperem o melhor, mas preparem-se para o pior”, alertou. Na avaliação do diretor, os governos latino-americanos precisam relaxar mais a política monetária “onde as instituições mais fortes e inflação baixa” tornam isso possível.

 

Recentemente, o FMI revisou para baixo todas as suas projeções (o que não chega a ser novidade, dada a conhecida incompetência da instituição com previsões) e agora espera recessão na zona do euro.

 

O diretor ressaltou, no entanto, que a região se beneficia de um cenário doméstico bom e sistema financeiro estável, o que permite que as revisões para baixo no crescimento deste ano apontem para “crescimento suave” na AL. No caso da América do Sul, que vinha crescendo muito acima da tendência, as condições externas menos favoráveis reduzem as pressões de superaquecimento.

 

Fonte: Valor

http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_secao=2&id_noticia=174757

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br