27/10/2010 12:00 am

FIEMA INSTALA, HOJE, NÚCLEO DE INOVAÇÃO NO MARANHÃO

FIEMA INSTALA, HOJE, NÚCLEO DE INOVAÇÃO NO MARANHÃO

Assinatura do convênio de cooperação ocorre hoje, durante o II Encontro Maranhense de Inovação.

Imirante, com informações do Sistema Fiema

SÃO LUÍS – A Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema) lança, nesta quarta-feira (27), na abertura do II Encontro Maranhense de Inovação, o seu primeiro núcleo de inovação no Estado. O objetivo é contribuir com as empresas locais no desenvolvimento de novos produtos ou processos. O núcleo vem se unir a rede que vem sendo instalada em todo país pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Atualmente, apenas seis mil empresas brasileiras fazem pesquisas e 30 mil declaram inovar. A meta da CNI, expressa no Manifesto da Inovação assinado em 2009 , é dobrar o número de empresas inovadoras até 2012.

 

O II Encontro começa nesta noite, a partir das 19h, no auditório central da Casa da Indústria. A palestra de abertura será feita pela presidente do Fundo de Amparo à Pesquisa do Maranhão (FAPEMA), Dra. Rosane Guerra, que abordará o tema “Inovação no estado do Maranhão”. Logo após, acontece a assinatura de termo de cooperação entre a Fiema e a CNI, marcando a instalação do núcleo no Estado. O evento se estende até o dia 29. Amanhã (28), entre outros temas está previsto painel sobre o Movimento Empresarial pela Inovação (MEI), às 14h. E, na sexta-feira (29), serão debatidos programas e instrumentos de apoio à inovação, a partir das 15h. Ainda na sexta-feira, pela manhã, das 8 às 12h, ocorrerão rodadas de negócios. Simultaneamente, será realizada a Mostra de Tecnologia (exposição de protótipos) na quinta e sexta-feira.

 

O núcleo, que será instalado hoje, irá funcionar no quarto andar da Casa da Indústria. Será composto pelas entidades ligadas integrantes do Sistema Indústria(Sesi, Senai e Iel) e vem fortalecer uma rede de atendimento ao empresário não só no Maranhão, mas em todo Brasil, a fim de disseminar a importância da inovação. Por meio do núcleo, serão promovidas palestras e treinamentos. Além disso, o núcleo irá fomentar a participação do setor empresarial em editais para financiamento de estudos e pesquisas nessa área e ainda deverá promover consultoria e diagnóstico de micro e pequenas empresas para elaboração de planos de ação para inovação. O primeiro curso inclusive acontece de 29 de novembro até 17 de dezembro e orientará sobre como elaborar projetos de inovação.

FONTE: http://imirante.globo.com/noticias/2010/10/27/pagina257653.shtml

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br