2/08/2010 12:00 am

FEDERAÇÃO NACIONAL DOS MÉDICOS DEFENDE A EMENDA CONSTITUCIONAL 29

FEDERAÇÃO NACIONAL DOS MÉDICOS DEFENDE A EMENDA CONSTITUCIONAL 29

 Desde a regulamentação da EC29, não se conseguiu convencer o Congresso a colocar em prática os seus preceitos

O representante da Fenam, Eduardo Santana, traçou um panorama sobre as Políticas de Saúde e Relação com a Sociedade. Segundo ele, desde a aprovação da Emenda 29, por falta de regulamentação, não se conseguiu convencer o Congresso a colocar em prática os seus preceitos.

Ele enfatizou que “O SUS é uma conquista da sociedade brasileira e existe porque esta sociedade se mobilizou, a partir da 8ª Conferência Nacional da Saúde, para que pudéssemos conceber seus princípios. A partir daí construímos um novo conceito de seguridade social e de financiamento da saúde. Observando o quadro atual, vemos que se tivessem sido aplicados o percentual correto, em 2009 o orçamento receberia R$ 100 milhões só da União, sendo que a somatória total de investimentos atingiria R$ 210 milhões de reais” , destacou.

Ele lembrou também que os maiores nós encontram-se na gestão e no financiamento público. ” Temos que assumir não só como uma categoria de profissionais do sistema único, mas como cidadãos senão não mudaremos a história da saúde brasileira” , disse.

Santana também citou a relação com o Judiciário, lembrando que é preciso trazer este setor para dentro dos espaços médicos. Nesse sentido, a Fenam desenvolve um projeto voltado a jornadas médico-jurídicas, que tem o objetivo de qualificar as relações. “É fundamental aumentar as experiências e discutir esses problemas da classe especialmente com o Judiciário” .

Encerrou abordando a relação com os meios de comunicação. ” Em um momento globalizado, parte de nós não sabe interagir com os novos meios de comunicação. É preciso ampliar as formas de se comunicar, como forma de qualificação dessa comunicação” , destacou.

FONTE: http://www.isaude.net/pt-BR/noticia/9705/profissao-saude/federacao-nacional-dos-medicos-defende-a-emenda-constitucional-29

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br