5/11/2010 12:00 am

ETANOL SEGUE MAIS VANTAJOSO NO MA

ETANOL SEGUE MAIS VANTAJOSO NO MA

De setembro a outubro, apenas o estado de Pernambuco saiu da lista daqueles onde é mais vantajoso abastecer o veículo com etanol. No mês passado, em 12 estados o combustível levava vantagem sobre a gasolina. Agora, 11 estão nessa situação, segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). No Maranhão, o combustível derivado da cana-de-açúcar continua sendo mais competitivo em relação à gasolina.

Considerando o preço médio do combustível praticado no mês passado, ele subiu em 20 estados do país, caiu em cinco e manteve-se estável em dois. Na média nacional, o preço do litro do etanol passou de R$ 1,604, preço registrado em setembro, para R$ 1,699, valor registrado no mês passado. O aumento no período foi de 5,9%.

Para o uso do derivado de petróleo ser vantajoso, é preciso que o litro custe até 70% do valor do litro da gasolina. Se a proporção ultrapassar essa porcentagem, abastecer com gasolina torna-se mais apropriado financeiramente.

Brasil – Das 27 unidades federativas, em São Paulo, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio de Janeiro, Rondônia e Tocantins valia a pena abastecer o veículo com álcool no último mês. Dados divulgados pela agência mostram que nas demais localidades isto não era possível, devido ao preço e rendimento de cada combustível.

Ainda segundo o levantamento, o preço médio da gasolina, tomando-se como base a média nacional, passou de R$ 2,547, em setembro, para R$ 2,566 no mês passado – uma diferença de 0,74%. Dos 27 estados analisados, houve aumento do valor do litro do combustível em 17 estados, queda em sete e estabilidade em três estados.

Na tabela acima, a proporção das localidades onde a substituição da gasolina pelo etanol é sinônimo de economia, considerando os preços médios apurados nos meses em questão.

Fonte: O Estado do MA

FONTE: http://www.portaldomaranhao.com.br/2007/?pg=ler&id=21757

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br