29/03/2012 12:00 am

Espanha tem dia de greve geral contra reforma trabalhista

Espanha tem dia de greve geral contra reforma trabalhista

DA FRANCE PRESSE, EM MADRI

A Espanha vive nesta quinta-feira um dia de greve geral, um protesto contra a reforma trabalhista e as políticas de austeridade do governo conservador, que pretende aprofundar as medidas na sexta-feira com a aprovação do orçamento de 2012.

Desde o início da manhã, manifestantes se reuniram no grande mercado central de Madri e nas portas dos grandes bancos e empresas.

As centrais sindicais CCOO e UGT exibiam faixas com frases como “Reforma trabalhista, Não” ou “Greve geral”.

Os sindicatos consideraram a paralisação um sucesso, enquanto o ministério do Interior informou a detenção de 58 pessoas.

Os sindicatos protestam contra uma reforma do mercado de trabalho, aprovada em 11 de março pelo governo de Mariano Rajoy com o objetivo de estimular a criação de emprego, em um país com uma taxa de desemprego de 22,85%, que castiga especialmente os jovens com menos de 25 anos (48,6%).

Os grevistas afirmam que a reforma trabalhista vai piorar a situação. O próprio governo admitiu que a taxa de desemprego deve alcançar 24,3% no fim de 2012.

http://www1.folha.uol.com.br/mundo/1068827-espanha-tem-dia-de-greve-geral-contra-reforma-trabalhista.shtml

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br