25/11/2010 12:00 am

ELEIÇÃO DA UEMA SERÁ DECIDIDA NA JUSTIÇA

ELEIÇÃO DA UEMA SERÁ DECIDIDA NA JUSTIÇA

A eleição da Uema será definida naJustiça. A votação foi encerrada às 21h, mas a disputa judicial  vai continuar nos tribunais.

Decisão da desembargadora Maria da Graça Duarte, do final da manhã desta quarta-feira, cassou a candidatura do reitor e candidato à reeleição José Augusto Oliveira.

Ele passou o dia divulgando mensagens em carros de som na universidade com a sentença da terça-feira da desembargadora Nelma Sarney em seu favor. No entanto, no meio da tarde, os adversários passaram a informar sobre a sentença de Graça Duarte.

Por conta dessa nova decisão, o advogado do candidato Henrique Mariano, Almir Coelho, quer que os votos de José Augusto não sejam computados.

A apuração dos votos começou agora há pouco. Almir Coelho já está pedindo a impugnação de uma urna. Desconfia que pessoas fora da lista de eleitores tenham votado. É o chamado “voto fantasma”.

O advogado denuncia que o secretário das Câmaras Cíveis Reunidas do Tribunal de Justiça não quis expedir, no início da tarde, o ofício da decisão contra José Augusto. Ele recorreu à presidência e outra funcionária liberou o documento.

O oficial de justiça já chegou à Uema no final da tarde. Em outra manobra para não ver a decisão cumprida, o presidente da comissão eleitoral Nordmann Wall, desapareceu. Ele é ligado ao reitor. O vice-presidente recebeu o documento.

A confusão vai ter mais desdobramentos na justiça.

Fonte : blog Décio Sá

FONTE: http://www.tribunadomaranhao.com.br/noticia/eleicao-da-uema-sera-decidida-na-justica-8208.html

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br