5/12/2012 12:00 am

Duas pessoas morrem em confrontos no Egito

Duas pessoas morrem em confrontos no Egito

 

Duas pessoas, um homem e uma mulher, morreram nesta quarta-feira (5) nos confrontos entre apoiadores do presidente egípcio, Mohamed Mursi, e oposicionistas ao redor do palácio presidencial no Cairo, de acordo com informações divulgadas pela mídia egípcia.

 

 

As vítimas foram atingidas mortalmente por tiros e eram oposicionistas, segundo as fontes, que acrescentaram que outras 30 pessoas ficaram feridas.

 

Em contradição com a informação divulgada pela mídia, um ex-deputado do Partido Liberdade e Justiça (PLJ), que Mursi liderou antes de assumir a presidência, disse à agência pública egípcia Mena que o morto é membro dessa formação, que é dominada pela organização Irmandade Muçulmana.

 

O conflito teve início em uma rua próxima ao palácio, quando os dois grupos se enfrentaram em uma batalha campal na qual foram lançados coquetéis molotov, pedras e garrafas.

 

As forças de repressão foram enviadas até a área e separaram os integrantes dos grupos. Vários manifestantes retiraram os feridos em macas para serem atendidos nas ambulâncias posicionadas nos arredores do palácio.

 

As fontes de segurança asseguraram que os choques continuam, embora parte dos opositores ao presidente tenha recuado para uma praça próxima ao palácio.

 

Com agências

http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=200570&id_secao=9

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br