10/02/2011 12:00 am

DOCENTES DA UENF APROVAM MANUTENÇÃO DA GREVE POR TEMPO INDETERMINADO

DOCENTES DA UENF APROVAM MANUTENÇÃO DA GREVE POR TEMPO INDETERMINADO

Reunidos em uma assembléia altamente representativa, realizada na quarta-feira (9/2), os professores da Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF) decidiram pela manutenção da greve por tempo indeterminado. Os professores presentes na assembléia se manifestaram de forma majoritária pela manutenção da greve, e decidiram adotar uma série de medidas para aumentar a pressão sobre o governo Sérgio Cabral em torno da pauta apresentada à Secretária de Ciência e Tecnologia há dois meses.

A assembléia aprovou uma série de sugestões enviadas pela diretoria regional do ANDE-SN e suas seções sindicais no Rio de Janeiro, que visam ampliar o apoio à greve em curso na UENF visando pressionar o governo Sérgio Cabral.

No plano institucional, a assembléia deixou clara a sua inconformidade com a manutenção do calendário escolar fixado em Setembro de 2010, visto que, com a greve iniciada em 4 de dezembro do ano passado, tal calendário hoje se tornou impraticável e sua manutenção prejudica de forma mais explicita os interesses de formandos e pós-graduandos. Neste sentido, o Comando de Greve discutirá as medidas necessárias para preservar o movimento de greve e os interesses dos estudantes da UENF.

De acordo com o Comando de Greve, a mensagem da assembléia é clara: “os professores da UENF não estão dispostos a aceitar de braços cruzados o descaso e o desrespeito sendo imposto a eles pelo governo Sérgio Cabral, e escolheram fortalecer o movimento de greve para forçar que as negociações sejam retomadas”.

 

FONTE: http://portal.andes.org.br:8080/andes/print-ultimas-noticias.andes?id=4415

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br