31/08/2012 12:00 am

Desemprego na zona do euro atingiu 11,3% em julho

Desemprego na zona do euro atingiu 11,3% em julho

 

 A taxa de desemprego nos 17 países que adotam a moeda única na Europa, a zona do euro, atingiu 11,3% em julho. Nos demais dez países da União Europeia, a taxa ficou em 10,4%.

 

A avaliação é do Eurostat (Escritório Europeu de Estatísticas). A estimativa é que dos 25,5 milhões de desempregados na União Europeia, 18 milhões vivam em países da zona do euro. Cerca de 5,4 milhões são trabalhadores com menos de 25 anos.

 

A Espanha lidera os países com o maior registro de desempregados, com 25,1%, depois vem a Grécia com 23,1%. As menores taxas foram registradas na Áustria (4,5%), nos Países Baixos (5,3%) e na Alemanha e em Luxemburgo, ambos com 5,5%.

 

A Europa vive um momento delicado sob efeito da crise econômica internacional. Os países que mais sofrem são os que estão na zona do euro que anunciaram a adoção de um plano de austeridade, que inclui cortes de gastos públicos, elevação de impostos e eliminação de vagas de trabalho no setor público.

 

Fonte: Agência Brasil

http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=192661&id_secao=2

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br