29/10/2010 12:00 am

DESEMPREGO NA EUROZONA BATE RECORDE EM SETEMBRO (10,1%)

DESEMPREGO NA EUROZONA BATE RECORDE EM SETEMBRO (10,1%)

France Presse

BRUXELAS, 29 Out 2010 (AFP) -O índice de desemprego na Eurozona alcançou 10,1% em setembro, pouco acima dos 10% registrados em agosto, registrando um novo recorde histórico, segundo dados publicados nesta sexta-feira pelo escritório europeu de estatísticas Eurostat.

O desemprego já está há sete meses no patamar dos 10%, nível mais alto desde a criação da zona do euro, em 1999.

O Eurostat também revisou para baixo sua estimativa anterior para o mês de agosto, que já registrou desemprego de 10,1%.

Em setembro de 2009, o índice de desemprego estava em 9,8%.

Ao todo, 15,917 milhões de pessoas estavam sem trabalho em setembro nos 16 países do bloco, 67.000 a mais que no mês anterior.

Para o conjunto da União Europeia, o índice de desemprego mensal se manteve estável em setembro, a 9,6%, embora o número de desempregados tenha aumentado em 71.000 pessoas, num total de 23,109 milhões.

De acordo com o Eurostat, os índices mais baixos de desemprego da Eurozona foram registrados na Holanda (4,4%) e Áustria (4,5%), enquanto o mais elevado é o da Espanha (20,8%).

A inflação, por sua vez, voltou a acelerar em outubro, com 1,9% a ritmo interanual, depois de ter batido em 1,8% no mês anterior, segundo o Eurostat.

De maneira geral, os preços ao consumidor não pararam de aumentar desde que voltaram a assumir uma tendência altista, em novembro de 2009, após cinco meses de queda. No entanto, ainda se mantêm dentro do limite tolerado pelo Banco Central Europeu (BCE), que tem como objetivo a médio prazo uma inflação levemente inferior a 2%.

FONTE: http://g1.globo.com/mundo/noticia/2010/10/desemprego-na-eurozona-bate-recorde-em-setembro-101-1.html

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br