3/04/2012 12:00 am

Desaceleração da economia brasileira 'é ciclíca', diz agência

Desaceleração da economia brasileira ‘é ciclíca’, diz agência

DE SÃO PAULO

A agência de classificação de risco Fitch divulgou relatório nesta terça-feira (3) em que chama de “cíclico” o período de moderação da economia brasileira. Ainda segundo a análise, o Brasil tem potencial de crescimento em torno de 4% ao ano.

“A Fitch acredita que a perda de ritmo de crescimento é ciclíca e há uma provável volta às taxas potenciais. As fontes de crescimento não se deterioraram e continuam crescendo em um nível sustentado”, diz o comunicado.

No documento, a Fitch lembra que a economia viveu um período muito positivo em 2010, com crescimento de 7,5% do PIB (Produto Interno Bruto, toda riqueza que um país produz no ano, ou em trimestres), e teve uma perda de ritmo em 2011 (2,7%). Mesmo com a desaceleração entre os dois anos, diz a Fitch, “a crise econômica mundial não impactou o potencial de crescimento do PIB”.

“Isso sugere que, após o resultado negativo do PIB observado em 2009 [com recuo de 0,3% da atividade, após crescimento de 5,2% em 2008], a taxa de crescimento de 7,5% registrado em 2010 foi significativamente acima da tendência. Assim, houve um intervalo entre a saída positiva e o superaquecimento da economia […] o que provocou o aperto no mercado de trabalho e aumento das pressões inflacionárias durante 2010.”

Na visão da agência, diz o relatório, “manter o crescimento saudável é importante para melhorar a renda per capita e aumentar a flexibilidade fiscal”.

http://www1.folha.uol.com.br/poder/1071141-desaceleracao-da-economia-brasileira-e-ciclica-diz-agencia.shtml

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br