29/10/2010 12:00 am

CONSÓRCIO DA HIDRELÉTRICA DE ESTREITO É MULTADO

CONSÓRCIO DA HIDRELÉTRICA DE ESTREITO É MULTADO

Consórcio diz que já tomou medidas para garantir a qualidade da água dos reassentados e espera licença para terras.

Agência Folha 

O Ministério Público Federal no Tocantins recomendou que o consórcio construtor da hidrelétrica de Estreito, na divisa do Estado com o Maranhão, seja multado pelo Ibama por não reassentar moradores da região como havia sido previsto.

A obra, que está praticamente concluída, integra o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e terá capacidade para gerar 1.087 MW/hora. A primeira turbina deve começar a operar em fevereiro de 2011.

Segundo o MPF, parte dos moradores foi reassentada às pressas há cerca de um mês, em casas que foram construídas com ‘material de baixa qualidade‘, rachaduras e problemas de inundação.

Os moradores também reclamam que os terrenos são pedregosos e inviáveis para a agricultura, que não receberam cabeças de gado e que a água não é potável.

Além dos assentamentos, o MPF também aponta pendências no abastecimento de água de cidades atingidas e em outras obras prometidas a esses municípios.

O órgão pede que o Ibama não conceda a licença de operação, que daria início ao funcionamento da usina.

O consórcio já pediu a licença e aguarda resposta. O Ibama tem dez dias, a partir da notificação, para dizer se acata o pedido do MPF.

Questionado pela Folha, o Consórcio Estreito Energia, responsável pela obra, afirmou que ‘desconhece problemas’ nas casas.

O consórcio diz que já tomou medidas para garantir a qualidade da água dos reassentados e que a preparação da terra para atividades agrícolas depende ainda de uma licença do governo estadual.

Quanto às obras nos municípios atingidos, a empresa afirma que está trabalhando na construção e que as ações estão dentro do cronograma.

FONTE: http://www.oimparcialonline.com.br/noticias.php?id=63437

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br