14/09/2011 12:00 am

Campanhas sobre a divisão do Pará são liberadas pelo TRE

A partir desta terça-feira (13), a campanha de rua pela divisão ou não do Pará está oficialmente liberada. Na segunda (12), as frentes contra a criação dos Estados do Carajás e Tapajós lançaram as primeiras peças publicitárias.

Pelas regras elaboradas pela Justiça Eleitoral, a campanha de rua poderá ser feita através de comícios, passeatas, carreatas e de distribuição de material publicitário, seja pessoalmente, seja pela internet.

Nas regiões emancipatórias, o uso de adesivos e bottons já começou há mais de mês. Em julho, os grupos que lideram a campanha pela divisão lançaram as primeiras peças criadas pelo publicitário Duda Mendonça.

Nesta segunda (12), foi a vez de os grupos que integram a campanha contra a separação apresentarem, em Belém, o slogan “Não e Não! Ninguém Divide o Pará”. As peças utilizam a bandeira do Estado como símbolo.

O material foi produzido em conjunto pelas cinco maiores agências de publicidade do Pará. Assim como Duda, os proprietários disseram que não cobraram pela produção artística.
No entanto, a produção gráfica não será gratuita. Possível presidente da Frente Contra a Criação do Tapajós, o deputado estadual Celso Sabino (PR) disse que o gasto ainda não foi estimado.

Contra a divisão

Sabino observou que o limite de gastos totais com a campanha é de R$ 10 milhões para cada uma das quatro frentes, mas disse que a frente contra o Tapajós precisará da colaboração dos eleitores para fazer o material circular.

Segundo o deputado, parte do material será vendida, com a expectativa de que quem tem condições compre para ajudar o movimento contra a divisão.

Ele explicou, ainda, que apesar da permissão para a campanha de rua, a compra de material ainda depende da legalização das frentes oficiais. Elas precisam de um CNPJ e de uma conta bancária específicos.

Segundo Sabino, as providências estão sendo encaminhadas ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). A estimativa é de que tudo estará pronto para que a distribuição comece a partir do próximo fim de semana.

As frentes contra a divisão programaram para esta quarta-feira (14) o lançamento oficial da campanha, em Castanhal (70 km de Belém). A frente pró-Carajás programou o lançamento oficial para quinta-feira (15). A frente pró-Tapajós ainda não definiu a data e o local escolhidos para a cerimônia.

Fonte: UOL

 

FONTE: http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=163869&id_secao=1

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br