6/12/2010 12:00 am

BRASIL PROPÔS APOIAR OPOSIÇÃO DE CHÁVEZ EM TROCA DE CONTRATO PARA VENDA DE AVIÕES MILITARES

BRASIL PROPÔS APOIAR OPOSIÇÃO DE CHÁVEZ EM TROCA DE CONTRATO PARA VENDA DE AVIÕES MILITARES

A diplomacia brasileira propôs aos Estados Unidos apoiar a organização não governamental venezuelana Sumate, que trabalhava para a destituição de Hugo Chávez, em “troca” da autorização de Washington para um contrato com Caracas para a venda de aviões militares Super-Tucano, revelam várias notas diplomáticas trocadas entre os dois países e divulgadas pelo site WikiLeaks.

O negócio dos aviões, produzidos no Brasil mas com recurso a componentes de origem americana, foi bloqueado por Washington em 2005. O Brasil tentou várias vezes, sem sucesso, convencer o aliado americano a rever a sua posição. “O Brasil não deseja que a Venezuela compre os aviões fora da região. A aquisição de aparelhos mais avançados junto dos russos poderá provocar um desequilíbrio nas forças aéreas da América do Sul”, explicava uma mensagem secreta, transcrita pelo jornal francês “Le Monde”.

Em Maio de 2006, um diplomata americano justificava a intransigência de Washington, mesmo depois do Brasil ter apresentado a sua “contraproposta” de colaborar para a remoção de Hugo Chávez, inimigo dos Estados Unidos, do poder: “A acção brasileira de apoio da Sumate é simbólica, mas os Super-Tucanos são bem reais”. Chávez acabou por comprar aviões Sukhou Su-30 à Rússia, garantindo a hegemonia aérea da Venezuela face a todos os países vizinhos.

O veto americano foi posteriormente classificado como uma “gaffe” da Administração Bush pela própria diplomacia americana. Os telegramas agora divulgados revelam que a embaixada americana em Brasília informou Washington que a decisão terá prejudicado os Estados Unidos no concurso para a compra de 36 aviões-caça lançado pelo Brasil em 2009 – e onde a companhia aeronáutica americana Boeing compete com a francesa Dassault.

 

FONTE: http://www.publico.pt/Mundo/brasil-propos-apoiar-oposicao-de-chavez-em-troca-de-contrato-para-venda-de-avioes-militares_1469582

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br