31/08/2010 12:00 am

BOLÍVIA RESERVA 115 MIL HECTARES PARA A REFORMA AGRÁRIA

BOLÍVIA RESERVA 115 MIL HECTARES PARA A REFORMA AGRÁRIA


Da Radioagência NP

O Instituto Nacional de Reforma Agrária (Inra) da Bolívia reverteu pouco mais de 115 mil hectares de terra para a reforma agrária. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (26).

De acordo com o Inra, as terras correspondem a cinco propriedades, localizadas nos departamentos de Beni e Santa Cruz, que não cumpriam função social e econômica.

Segundo o diretor do Inra, Juan Carlos Rijas, alguns proprietários tentaram fraudar a fiscalização. “Tentaram burlar a boa fé do Estado usando documentação que não correspondia, informações falsas, artimanhas e gado que não lhes pertencia”, afirmou o diretor.

21 mil hectares de terra revertidos para a reforma agrária faziam parte da propriedade de Osvaldo Monasterios Áñez, também dono da rede de televisão Unitel. De acordo com o Inra, esse terreno era fruto de reforma agrária e foi ilegalmente comprado por Monastérios.

O diretor Rijas afirmou que, em cumprimento da nova Constituição boliviana, todas as terras deverão direcionadas em favor de comunidades indígenas-originárias-camponesas sem terra ou que tem terras de maneira insuficiente.

FONTE: http://www.mst.org.br/node/10509

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br