19/01/2011 12:00 am

ALTO COMISSARIADO TEM ‘RESERVAS’ SOBRE RETORNO DE DUVALIER AO HAITI

ALTO COMISSARIADO TEM ‘RESERVAS’ SOBRE RETORNO DE DUVALIER AO HAITI

 O Escritório de Direitos Humanos disse que o ex-presidente tem seu nome ligado a temas como violações de direitos humanos e corrupção, e que sua volta reacende debate sobre impunidade.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

 

 

 

O Alto Comissariado de Direitos Humanos das Nações Unidas afirmou ter reservas sobre a volta ao Haiti do ex-presidente do país, Jean-Claude Duvalier, também conhecido com ‘Baby Doc’.

A declaração foi feita em Genebra, pelo porta-voz do Alto Comissariado, Rupert Colville.

Assuntos Sérios

Ele afirmou que existem assuntos sérios que vão desde a questão da violação dos direitos humanos que ocorreram no Haiti durante os 15 anos que Duvalier esteve no poder.

O porta-voz citou as milícias Tontons Macoutes, acusadas de atos de violência e intimidação.

‘Baby Doc’ presidiu o Haiti de 1971 a 1986. Segundo a nota, durante essa época, o país também enfrentou escândalos de corrupção.

Prestação de Contas

Para o Alto Comissariado da ONU ainda não está claro se o Haiti tem condições de prender e indiciar Jean-Claude Duvalier por qualquer crime neste momento.

Rupert Colville disse que o retorno do ex-presidente reacende o debate sobre a impunidade e a prestação de contas.

Jean-Claude Duvalier voltou ao Haiti no domingo.

 

FONTE: http://www.unmultimedia.org/radio/portuguese/detail/190233.html 

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br