21/10/2010 12:00 am

AGENTES INTERNACIONAIS ESTIMAM MELHORES INDICADORES SOCIAIS PARA O BRASIL EM 2011, SEGUNDO IPEA

AGENTES INTERNACIONAIS ESTIMAM MELHORES INDICADORES SOCIAIS PARA O BRASIL EM 2011, SEGUNDO IPEA

Stênio Ribeiro
Repórter da Agência Brasil

Brasília – Agentes internacionais consultados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) demonstram expectativa de queda nos índices de pobreza e de desigualdade de renda dos brasileiros nos próximos 12 meses.

Foi o que afirmou hoje (21) o presidente do Ipea, Marcio Pochmann, ao divulgar o Monitor da Percepção Internacional do Brasil – publicação trimestral derivada de pesquisa com representações diplomáticas, câmaras de comércio, organizações multilaterais e empresas estrangeiras.

De acordo com Pochmann, o indicador referente à pobreza subiu de 32 pontos, em julho, para 43 pontos, e o índice de desigualdade passou de 25 para 38 pontos na mesma base de comparação. Pelo método do Ipea, quanto maior a pontuação menor o percentual de pobreza e desigualdade de renda.

Outros indicadores que evoluíram favoravelmente entre as duas pesquisas foram os relativos às condições gerais de crédito e ao acesso da população a bens de consumo, “possivelmente refletindo uma expectativa de afrouxamento na política monetária” nos próximos meses, segundo o Ipea.

Contraditoriamente, a pesquisa captou que “houve sensível diminuição no indicador relativo à condução da política econômica”, com reflexo desfavorável quanto ao crescimento econômico com estabilidade. Os agentes consultados também avaliaram que houve redução da segurança jurídica nos últimos 12 meses.

A publicação do Ipea não revela quantas pessoas ou instituições foram ouvidas, nem cita o período exato da consulta. Diz apenas tratar-se de questionário preenchido eletronicamente pelos “respondentes” cadastrados, com o objetivo de captar a evolução da avaliação internacional sobre as realidades econômica, social, política e institucional do Brasil.

 

Edição: Rivadavia Severo

FONTE: http://agenciabrasil.ebc.com.br/web/ebc-agencia-brasil/enviorss/-/journal_content/56/19523/1084664

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br