6/04/2010 12:00 am

6 de ABRIL: Paralisação de advertência dos educadores

Após recusar, por unanimidade, em assembléia, a contraproposta de Estatuto do Educador apresentada pelo governo do Estado, os trabalhadores em educação decidiram paralisar as atividades no dia 6 de abril. A paralisação teve a adesão de núcleos do SINPROESEMMA no Maranhão e, em São Luís, a programação ficou assim:
PARALISAÇÃO DE ADVERTÊNCIA DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO

Haverá PASSEATA com concentração na Praça Deodoro, em frente à Biblioteca Pública Benedito Leite.

Quando: 6 de abril de 2010

Horário da concentração: 9h

A passeata sairá pela Rua Rio Branco e vai até o Palácio dos Leões, onde será realizado um ato público.

A parada de advertência, também referida como estado de gereve, visa chamar a atenção da sociedade para a resistência do governo estadual em não se reunir com a categoria para debater as problemáticas que envolvem a aprovação e implantação do novo Estatuto.

A assembléia que deliberou sobre a paralisação foi realizada no dia 24 de março, no auditório do Convento das Mercês. Nela, os trabalhadores em educação também decidiu aprovar a proposta de Estatuto elaborada nos fóruns do SINPROESEMMA

FONTE: http://www.sinproesemma.com.br/2010/3/31/Pagina2288.htm

CONTATOS

facebook.com/observatorio

(98) 99999-9999

observatoriopoliticaspublicaslutasociais@yahoo.com.br